O novo consumidor e o marketing de influência
Como as mudanças no perfil do cliente vem modificando a forma de atingir o público-alvo
9 Agosto 2017  |  09:06h
A - A +
Data:
Cidade:
Autor: Rafael Monsores

É possível acompanhar uma mudança drástica no perfil do consumidor atual e isso se deve muito a dois grandes fatores: primeiro a grave crise econômica que começou em 2015 e se estende até os dias atuais, e segundo a transformação digital pela qual passamos.

O que podemos perceber é que a tradicional publicidade não atende mais o consumidor, que cada vez mais antenado, passou a se incomodar com as ligações indesejadas de call centers e não quer mais ser interrompido por propagandas enquanto assiste a um filme ou série. Muito dessa transformação, deve-se ao advento de novas tecnologias, que nascem e impactam o dia a dia das pessoas a todo momento.

Além de se tornar mais crítico, pois ao mesmo tempo que procura pelos melhores preços também anseia por novas experiências, o consumidor tem utilizado diversos canais disponíveis para se informar, universo que proporciona indicações de experiências de outros usuários, facilitando a aquisição de qualquer produto ou serviço. Uma pesquisa recente da Ivelocity, empresa norte-americana especializada em marketing on-line, mostra que mais de 90% das pessoas preferem uma recomendação boca a boca de uma fonte de confiança, do que de campanhas pagas.

Esse é o efeito do marketing de influência, que tem ganhado cada vez mais força principalmente pelos influenciadores digitais, que mostraram a relevância que podem dar a uma marca. Vale destacar que para usar essa ferramenta é preciso cautela, pois diferente de uma ação publicitária, o influenciador vai indicar apenas aquilo que conhece e confia. O marketing de influência pode trazer bons resultados para a marca, desde que utilizado de forma estratégica.

Para finalizar, acredito que diante do novo comportamento de consumo, o marketing de influência, mais do que gerar awareness e branding, pode ser uma ferramenta de conversão de vendas. Aliar sua marca a pequenos influenciadores, pode ser a estratégia que falta para sua empresa alavancar a área comercial e se tornar reconhecida no mercado. E aí está esperando o que para investir no marketing de influência?

Rafael Monsores é head comercial da Mobdiq.
Fonte:
Tags:
Comentários

As opiniões expressas nos comentários são de única e exclusiva responsabilidade de seus autores e não expressam a opinião deste site. Comentários ofensivos ou que violem a legislação vigente serão suprimidos.


* seu e-mail não será publicado.

Enviar Comentário