Qual a dor do seu negócio?
Diagnóstico é essencial para a reinvenção de produtos e serviços
3 Abril 2018  |  09:15h
A - A +
Data:
Cidade:
Alexandro Barsi
Autor: Alexandro Barsi 

Muito se fala na importância da transformação de modelos de negócios para a perenidade das companhias. Entretanto, poucas empresas têm a percepção e a maturidade para entender que toda mudança, seja ela digital ou não, não é simplesmente uma ferramenta para atingir um ou mais objetivos. Para tal, é essencial a realização de um diagnóstico prévio para definir quais são as estratégias mais viáveis e quais são as dores que precisam ser supridas.

Para realizar, com sucesso, a elevação do negócio a um novo patamar, não existe receita, pois cada um tem demandas específicas:  incremento de resultados, market share, competitividade, geração de valor e aprimoramento da experiência do cliente. Na verdade, a necessidade pode ir além, chegando a hora de reinventar o seu produto ou serviço.

Para entender a carência das organizações, elas precisam estar mais atentas e focadas 100% na experiência dos clientes. E a tecnologia deve ser aliada das empresas de forma a compreender o comportamento e desafios dessa nova cultura. 

Quando realizada sem uma análise prévia, a transformação digital pode não ser capaz de gerar o aprendizado necessário de forma que essa mudança torne-se sustentável. Como resultado, em pouco tempo os novos processos são esquecidos e as pessoas voltam às velhas formas de se realizar o trabalho. Toda a verba, o tempo dos times e o esforço de engajamento geram apenas efeitos pontuais, com desfechos pouco efetivos para a companhia como um todo.

Se fosse para fazer uma analogia, diria que a empresa é como a vida pessoal. De vez em quando é preciso passar por um check-up em busca de aperfeiçoamento. Os pontos fortes serão explorados ao máximo; os fracos serão listados com causas e sugestões de correção.

Assim é a transformação do negócio, uma busca constante por aperfeiçoamento, que deve ser algo contínuo, de modo que a empresa possa prosperar por meio de um planejamento bem estruturado. E como em qualquer área da vida - e no segmento corporativo não é diferente -, é preciso investir em prevenção e se antever aos problemas, evitando perdas no futuro.

Alexandro Barsi é sócio-fundador e CEO da Verity.
Fonte:
Tags:
Comentários

As opiniões expressas nos comentários são de única e exclusiva responsabilidade de seus autores e não expressam a opinião deste site. Comentários ofensivos ou que violem a legislação vigente serão suprimidos.


* seu e-mail não será publicado.

Enviar Comentário