Reações dos consumidores
Millward Brown integra ferramentas de neurociência à oferta de pesquisas de mercado
11 Junho 2010  |  12:10h
A - A +
Data:
Cidade:
A Millward Brown do Brasil apresentou essa semana ferramentas desenvolvidas por neurocientistas que auxiliam a compreensão de reações não verbais e emoções dos consumidores. Após analisar, desde 2004, uma ampla gama de métodos usados por neurocientistas que se dedicam a captar reações sem perguntá-las diretamente às pessoas, a área de desenvolvimento da empresa focará sua oferta em três ferramentas: Medição de Associações Implícitas, Eye Tracking e Medição de Ondas Cerebrais.
 
O objetivo da Medição de Associações Implícitas é entender as associações e respostas emocionais geradas por marcas e propagandas. O Eye Tracking rastreia o movimento dos olhos permitindo identificar o foco do olhar em filmes e peças impressas de comunicação. Já a Medição de Ondas Cerebrais estuda as respostas cognitivas e emocionais do consumidor diante de um comercial, a cada fração de segundo.
 
"Associado aos nossos pré-testes de comunicação (Link Test) e de embalagem (Link for Packaging), o Eye Tracking nos possibilitará fazer recomendações mais detalhadas sobre como a peça está funcionando", explica a diretora executiva da Millward Brown do Brasil, Valkiria Garré. "Estas recomendações darão à agência mais recursos para a otimização do material", completa.
 
Segundo a executiva, estudos conduzidos pela Millward Brown mostram que o consumidor tenta amenizar suas respostas quando não gosta de algo na comunicação. As ferramentas neurocientíficas vêm, portanto, ao encontro da necessidade das empresas de eliminar o viés decorrente das respostas declaradas do consumidor. As pesquisas da Millward Brown serão customizadas e realizadas face-a-face e as ferramentas serão utilizadas levando em consideração o objetivo de cada estudo.
Fonte:
Tags:
Comentários

As opiniões expressas nos comentários são de única e exclusiva responsabilidade de seus autores e não expressam a opinião deste site. Comentários ofensivos ou que violem a legislação vigente serão suprimidos.


* seu e-mail não será publicado.

Enviar Comentário