Totvs reforça plataforma de IA
Novidades incluem habilidades de previsibilidade, recomendações, computer vision e experiências conversacionais
10 Janeiro 2019  |  13:24h
Data:
Cidade:
Pouco mais de um ano após o lançamento da Carol, plataforma de dados e inteligência artificial, a Totvs anuncia evoluções na ferramenta. Elas estão baseadas em habilidades de previsibilidade, recomendações, computer vision para identificação de pessoas e objetos e experiências conversacionais.

Com a habilidade de recomendação, empresas poderão utilizar a Carol para definir, em tempo real, campanhas e elasticidade de preços de produtos, identificar potenciais novos clientes e receber recomendações inteligentes sobre novos produtos e serviços para os clientes atuais. Já com a capacidade de previsão, é possível prever pela plataforma da Totvs os riscos de quebra de estoque, receber recomendações de manutenção para máquinas e acompanhar forecast da performance de vendas da empresa.

Combinando as duas novidades, está em desenvolvimento, em conjunto com uma grande operadora de planos de saúde do Brasil, um projeto que possibilita a aprovação de requisições médicas. Antes da utilização da Carol, cerca de cinco requisições eram avaliadas por hora. Agora, a empresa é capaz de avaliar milhões de requisições no mesmo período, mantendo o alto nível de assertividade.

COMPUTER VISION          
A plataforma Carol ganhou, ainda, a capacidade de reconhecer e identificar objetos, ações e pessoas, analisando inclusive seus traços e emoções. A tecnologia computer vision (visão computacional) pode ser usada em diferentes segmentos. No varejo, com o reconhecimento de clientes que entram em uma loja, na saúde, com o check-in automático de pacientes, no agronegócio, como marcador de ponto dos trabalhadores em campo, ou em empresas em geral, para validar a entrada de funcionários, entre outras aplicações. 

"Um dos principais pontos para a evolução dessa tecnologia é que não é mais necessária a utilização de câmeras de alta resolução, além de toda a possibilidade de armazenamento de dados em nuvem. Com isso, o custo ficou mais acessível. As aplicações para o uso de reconhecimento facial são infinitas para todos os ramos e portes de negócios. Nosso diferencial é que o reconhecimento facial, utilizando técnicas de deep learning, acontece no device, de forma offline. Estamos apenas com algumas patentes pendentes para este processo", destaca Vicente Goetten, diretor-executivo do Totvs Labs.

Além disso, com a capacidade de ver, ouvir e falar, a plataforma, que pode ser acessada direto do smartphone, possibilita a automação do fluxo de trabalho por meio do recurso de voz e permite que o cliente faça perguntas e receba insights de negócio de qualquer lugar, com uma linguagem cada vez mais próxima à natural, que passa a fazer parte das soluções já existentes da ferramenta. Uma das primeiras soluções Totvs a embarcar essa inteligência é o Bemacash, solução de gestão.

O diretor do Totvs Labs explica ainda que a Carol é uma grande parceira do ERP da Totvs. "É no ERP que estão todas as transações e dados, esses dados são os principais insumos para qualquer projeto de machine learning. A Carol possui conectores nativos com as soluções Totvs, e essa é a grande vantagem para os clientes, isso facilita e agiliza o tempo em que conseguimos colocar uma solução em operação", finaliza Goetten.
Fonte:
Tags: